O que fazer quando um cachorro nos ataca

1118

Todo mundo corre o risco de encarar um cachorro bravo pelo menos uma vez na vida. Nem todos os cães são fofos o tempo todo. Muitos sofreram traumas que os deixaram agressivos, com outros cães e principalmente com as pessoas. Nesses casos, eles podem ser muito violentos, por isso, é bom saber se defender.

Confira essas dicas para lhe ajudar nessa situação:

#1 Mantenha a calma

Os cachorros, assim como outros animais, podem sentir o medo dos humanos. Claro que não é fácil manter a calma quando um cão aparentemente agressivo está na nossa frente, latindo, mas, para começar, você deve parar de gritar, de balançar os braços ou de tentar correr. Essas ações indicam ansiedade e o cachorro vai entender esses gestos como um sinal de ataque.

#2 Não corra

Se um cachorro cruzar o seu caminho enquanto você estiver correndo, diminua a velocidade imediatamente. Lentamente, vá em outra direção e continue observando o cachorro discretamente. Desta forma, você não parecerá uma ’presa’ atrativa.

#3 Não fique olhando nos olhos do cachorro

O contato visual direto pode fortalecer a agressão. Um cachorro agressivo percebe um olhar direto como uma ameaça e, portanto, ataca primeiro. Olhe para ele discretamente. O cachorro vai entender que você não é um inimigo e vai embora.

#4 Tente achar uma forma de distrair o cão

Qualquer objeto pode servir: o seu tênis, uma garrafa PET, a sua mochila, enfim algo que ele possa morder. Enquanto o animal estiver ocupado, você pode se distanciar e evitar problemas maiores.

#5 Diga: “Não”

Se o cachorro continuar mostrando agressividade, ordene que ele vá embora. Simples assim. É importante que a sua voz pareça segura e autoritária, mas, em nenhuma circunstância, você deve gritar. O comando ’Não!’, pronunciado com um tom de voz autoritário, pode fazer com que o cachorro se assuste sem atacar, e vá embora.

Fonte runnersworld , news.bbc , wikihow